Museus literários têm programação online

Cultura e Lazer
Tipografia

Descubra as agendas e curiosidades sobre a Casa das Rosas, a Casa Mário de Andrade e a Casa Guilherme de Almeida, tudo on line, sem sair de casa

 

MUS LIT MIOLO2

Visite três Museus Literários sem sair de casa!

 

Com tantos dias de isolamento social, fica difícil ter criatividade para driblar o tédio. Por isso, as instituições culturais têm criado várias atrações para manter o ânimo das pessoas nesse período. Para quem adora literatura, saca só: os três museus literários de São Paulo desenvolveram uma programação bem bacanuda e online!

As lives acontecem semanalmente durante o mês de maio nas páginas de Facebook da Casa das Rosas (acesse aqui), da Casa Mário de Andrade (acesse aqui) e da Casa Guilherme de Almeida (acesse aqui), SEMPRE das 16h30 às 17h.

 

Mas, atenção: cada dia é dedicado a um museu diferente, então programe-se para não perder nada!

 

 

 Casa das Rosas

MUS LIT rosas

Todas as quartas-feiras (dias 6, 13, 20 e 27) são focadas na Casa das Rosas. A equipe do educativo explora de diferentes formas vários assuntos relacionados à instituição. Acompanhe as novidades pelas redes sociais da casa.

 

 

Casa Mário de Andrade

MUS LIT mario

Já às quintas-feiras é a vez da Casa Mário de Andrade. No dia 7 de maio, o educativo explora os 100 anos da casa, contando a história da residência, de seus moradores e de como o local se transformou em patrimônio e museu.

No dia 14, o tema da live pode parecer um tanto inusitado: “A Faceta Musical de Mário de Andrade”. O escritor também foi um grande musicólogo, que além de produzir inúmeros ensaios e críticas sobre o assunto, foi professor de música.

Duas formas de ensino são abordadas na transmissão online do dia 21, a educação formal e a não-formal. A ideia é traçar paralelos e conexões entre as duas vertentes, discutindo inclusive os desafios de utilizar uma combinação delas para estimular o aprendizado.

Por fim, dia 28, os educadores têm a missão de traçar um mapa afetivo da cidade de São Paulo utilizando poemas de Mário de Andrade e de outros autores. Durante a atividade, os participantes podem compartilhar suas poesias favoritas sobre as cidades onde vivem.

 

 

Casa Guilherme de Almeida 

MUS LIT guilherme

A Casa Guilherme de Almeida está com as lives marcadas para as sextas-feiras (8, 15, 22 e 29 de maio). Acompanhe as novidades por meio das redes sociais da instituição.

Já pensou em como seria a musealização da sua casa? Quem tem essa curiosidade pode se divertir com a live que acontece excepcionalmente na terça, dia 5, das 15h às 17h, pela plataforma Google Hangouts Meet. Prepare-se para entender um pouco mais sobre plantas arquitetônicas, desenhos e outros temas envolvendo a transformação de uma residência em museu. Para participar, inscreva-se no site da organização.

 

 

 

 MUS LIT MIOLOSAIBA MAIS 

CASA DAS ROSAS – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura tem construído sua identidade como um lugar de referência da criação literária em São Paulo, ambiente de múltiplas manifestações no contexto diversificado de “vozes”, referências e propostas em que vivemos: tendências diferentes encontram nela o espaço propício para sua expressão.

Se, por um lado, a Casa preserva o acervo bibliográfico de um dos mais importantes poetas paulistas e brasileiros, Haroldo de Campos, por outro é, fisicamente, um relevante patrimônio arquitetônico e histórico da cidade, o que a torna um ícone das transformações ocorridas no século XX, tanto artísticas e literárias como urbanas e sociais.

 

CASA MÁRIO DE ANDRADE baseia-se no interesse do escritor pelas raízes de nossa cultura e pelas tradições populares. O perfil multifacetado de Mário – apresentado na exposição permanente “A morada do coração perdido” – tem alimentado as diversas categorias da programação cultural e educativa, alusivas à sua ligação com a música (“Discoteca do Mário”), com a literatura (“Biblioteca do Mário”) e com as artes plásticas (Pinacoteca do Mário”).

O modernismo, como movimento transformador das artes e do pensamento no país, vinculado à vida e à obra do escritor, fornece também um suporte para a unidade conceitual e pragmática da Casa, onde se criou um Centro de Referência e Pesquisa Mário de Andrade.

 

CASA GUILHERME DE ALMEIDA – Centro de Estudos de Tradução Literária tornou-se referência em museu-casa literário e biográfico, não só pela eficiente preservação da memória de importantes períodos da história da cidade e do rico acervo que abriga, como também por seu foco na tradução literária, campo que, inspirado pelo trabalho de Guilherme de Almeida, permite ligação com os outros segmentos em que o escritor atuou: a poesia, a crônica, o cinema, o teatro, as artes plásticas e a música, entre outros.

A Casa organizou, em 2016, a primeira edição de seu Encontro de Museus-Casas Literários, de âmbito nacional, que visa a criar uma Rede Temática para o segmento.

  

FONTES:

Catraca Livre

Museus Literários

..........................................