Dia do aposentado é para refletir

Ultimas Noticias
Tipografia

Nos dias atuais a data inspira mais reflexão do que comemoração - Por Jair Rosa

O Dia 24 de Janeiro foi consagrado para homenagear aqueles que dedicaram os melhores anos de suas vidas para o crescimento do País: os aposentados. A data marca a assinatura, em 1923, da Lei Eloy Chaves que criou a caixa de aposentadorias e pensões para os empregados de todas as  estradas de ferro do País. 

Os dias atuais, no entanto, nos levam muito mais a refletir sobre a data do que comemorá-la. Isso porque não são poucos os ataques que o segmento sofre diariamente, principalmente quando diz respeito aos debates sobre a Previdência Social.  Infelizmente esses cidadãos são tratados como “despesa” para os cofres públicos da União e apontados como grandes vilões pela crise econômica que atravessa o País.

No entanto, além do suor derramado em sua fase laboral, esses mesmos críticos se “esquecem” de colocar na balança o quanto essas pessoas colaboram mensalmente com essa mesma economia. De acordo com o Dieese (Departamento Intersindical de Estudos e Estatísticas Socioeconômicas) apenas o pagamento da segunda parcela do 13ª salário em dezembro de 2018 injetou mais de R$ 200 bilhões naquele mês na economia do País. Grande parte desses recursos foram pagos a trabalhadores que ganham um salário mínimo (muitos dos quais ocupam subempregos para completar sua renda)  e que, segundo o Dieese, foram gastos em alimentação, medicamentos e outros gêneros de primeira necessidade. Fato que ocorre mensalmente.

Assim sendo, quando consomem, os aposentados devolvem o que recebem da Previdência por meio do recolhimento de taxas como ICMS, IPI, além de auxiliar decisivamente na geração de empregos na Nação. Mesmo assim, insistem em querer vender a ideia de que é necessário mudar as regras da Previdência, o que pode inviabilizar o acesso a milhões de brasileiros. Muitos, inclusive, se questionam se algum dia conseguirão se aposentar.

Diante dessa dura realidade, a AFABB-SP reafirma seu compromisso de defender os direitos dos aposentados e pensionistas, atuais e de futuras gerações. Vamos caminhar e lutar para que o 24 de Janeiro, Dia do Aposentado, seja cada vez mais respeitado.

..........